Início BACANA NEWS Vale obtém licença para expandir mina de ferro no Pará e projeto...

Vale obtém licença para expandir mina de ferro no Pará e projeto deve gerar mais de mil empregos na região

Compartilhar

Foto: Reprodução

Por Click Petróleo e Gás

A mineradora Vale obteve uma licença preliminar na última quarta-feira (03) para expandir sua mina de ferro Serra Leste, situada no norte do estado do Pará. A aprovação final está prevista para até três meses. Segundo governador do estado, mais de mil empregos deverão ser gerados com o projeto.

De acordo com a mineradora Vale, o projeto envolve a expansão da capacidade de produção da matéria-prima siderúrgica de 6Mt/ano para 10Mt/ano, ​​durante um período de vida útil de aproximadamente 11 anos. Nenhum valor de investimento foi fornecido.

“Foram cerca de quatro anos aguardando essa licença preliminar que permitirá, em três meses, quando houver uma licença de instalação, o início das obras para expandir o projeto de extração de ferro”, afirmou o governador do Pará, Helder Barbalho, em comunicado.

“Isso representa cerca de 1.300 novos empregos para construção e aproximadamente 1.100 empregos quando o projeto está em operação”, completou.

A Vale possui operações de mineração em Serra Norte, subdividida em três áreas principais e duas principais plantas de beneficiamento, desde 1984. Em 2014, a Vale abriu uma planta de mina e beneficiamento em Serra Leste, enquanto a operação Serra Sul, onde está localizada a principal mina S11D da empresa, foi iniciada em 2016.

ÁREAS DE EXPLORAÇÃO

Enquanto isso, a Agência Nacional de Mineração (ANM) iniciou uma audiência pública para verificar a disponibilidade de 500 áreas para exploração. Essa audiência terá duração de 30 dias e a ANM usará as informações coletadas para abrir áreas para exploração de materiais de construção como areia, cascalho e argila.

“Após esse processo, outras áreas com diferentes minerais serão disponibilizadas para exploração e mineração, a fim de atrair investidores”, disse o diretor da ANM, Tasso Mendonça.

O governo brasileiro procura expandir a exploração mineral para atrair investimentos do setor privado.