Início BLOG DO BACANA Gol de Bicicleta – Por Syanne Neno #3 : Habemus Parazão 2020!

Gol de Bicicleta – Por Syanne Neno #3 : Habemus Parazão 2020!

Compartilhar

Foto: Guy Veloso

  • Chega de saudade. Chega das tardes de domingo vazias. Neste sábado, o Parazão 2020 começa com cinco jogos , nessa primeira rodada, até a segunda-feira, 20.
  • O jogo de abertura do campeonato será em Cametá, neste sábado, entre Independente e Castanhal.
  • No domingo acontecem três jogos: Bragantino x Águia, Paragominas x Carajás e Remo x Tapajós.
  • A primeira rodada do Parazão 2020 será finalizada na segunda, às 20 horas, com o jogo entre Paysandu x Itupiranga, na Curuzu.
  • O Paysandu continua sendo o recordista no número de títulos estaduais: 47. Mas com o bicampeonato conquistado no ano passado, o Remo encostou, já tem 46.
  • Já foram disputadas 107 edições do Parazão desde 1908. O Pará foi o quarto estado do Brasil a organizar um campeonato de futebol, atrás somente de São Paulo (1902), Bahia (1905) e Rio de Janeiro (1906)
  • A primeira edição do Campeonato Paraense foi vencida pelo União Sportiva, que ficou com a posse da Taça Pará. A competição contou com as participações de quatro times.
  • Tido como o “coadjuvante principal” do campeonato, o Bragantino, terceiro lugar do Parazão nos últimos dois anos, contratou oito novos jogadores. Entre eles, o lateral Michel, ex-Remo.; o meia Vinícius, ex-Itupiranga, e o atacante Canga, ex-Floresta ( Ceará). Róbson Melo é o treinador e Cacaio, o auxiliar.
  • Além de marcar seu primeiro gol pelo Bragantino, o atacante Bilau tem outra meta para 2020: incorporar o seu nome de batismo, Éverson, ao jocoso apelido de Bilau, dado ao jogador na época em que ele era da base do Castanhal.
  • O lateral Marlon, cria da base remista, que estava como titular no Criciúma (SC) nas duas últimas temporadas, é um dos reforços do Águia de Marabá.
  • Neste ano, Remo e Paysandu resolveram apostar na manutenção da base de suas equipes. O Remo tem a metade do elenco do ano passado, bem diferente do Leão que começou a temporada 2019 com 16 novos jogadores. O mesmo se vê no Paysandu, que trouxe 17 caras novas no início do ano passado, mas manteve a espinha dorsal para este campeonato.
  • O meia Douglas Packer retornou ao Remo na quarta-feira como o maior reforço da equipe neste começo de temporada. O jogador deixou o leão azul em junho do ano passado, após receber uma proposta do futebol europeu, o Valleta da Ilha de Malta. No time europeu, Packer fez sete partidas e dois gols, onde chegou a jogar a pré-Champions League.
  • Durante sua primeira passagem pelo Remo, Douglas disputou 13 jogos e marcou um golaço de falta, em um RexPa.
  • O Parazão ainda nem começou e já teve mudança na tabela. O jogo entre Paysandu e Bragantino, pela segunda rodada, mudou do dia 25 para a segunda-feira, 27, a pedido do próprio Paysandu.
  • A Ciclor é revendedora em Belém da marca Specialized, sonho de consumo dos ciclistas. Fundada em 1974, por ciclistas para ciclistas, a Specialized tem base no norte da Califórnia. Seu foco está nas necessidades dos praticantes, produzindo produtos funcionais e tecnicamente avançados, que fornecem um benefício de desempenho.
  • Para inspirar atletas, a Specialized Brasil montou um time de feras no esporte, que escolhem as bicicletas e equipamentos da marca para viverem as melhores experiências: Adriana Nascimento, considerada uma das atletas e treinadoras mais respeitadas do país, dona de dezenas de títulos nacionais e internacionais; Hugo Prado Neto, atleta master e treinador da OCE, com mais de 20 anos de carreira esportiva, e Fernanda Keller, pioneira no esporte, com participação em mais de 100 provas de Ironman e 5 vitórias no Brasil, dentre outras multiplicadoras do uso da bike espalhadas por todo país.
  • Você, motorista de veículos, fique atento e respeite a distância mínima de 1,5m na hora de ultrapassar uma bicicleta 🙂