Início BACANA NEWS Betânia Fidalgo toma posse na Academia Paraense de Letras

Betânia Fidalgo toma posse na Academia Paraense de Letras

Compartilhar

Na noite da última quinta-feira, 6, a professora e doutora em administração Betânia Fidalgo tomou posse como imortal na Academia Paraense de Letras.

A professora foi eleita no último dia 7 de julho com 28 votos dos membros. Ela vai ocupar a cadeira que foi de Nazareno Tourinho.

Fidalgo renovou os votos de apoio à literatura paraense. “Eu fico agradecida e emocionada. Agradeço a todos os integrantes da Academia que me receberam em suas casas e que me deram esse voto de confiança. Eu aceito essa eleição com muita humildade para que, juntos, todos nós possamos fazer muito pelo bem de Belém e do Pará, em prol da cultura e literatura paraense”, afirmou.

Maria Betânia de Carvalho Fidalgo Arroyo possui mais de 20 anos de experiência. É graduada e mestre em pedagogia. Teve uma renomada passagem pela Universidade Federal do Acre, em Cruzeiro do Sul.

Em 2000 se tornou doutora em administração pela Unama. Desde 2018 acumula a reitoria da maior universidade privada da região Norte. Fidalgo é casada com o também professor de economia João Arroyo.

A posse foi dada pelo vice-presidente da Academia o professor de jornalismo João Carlos Pereira. “Tive a alegria de presidir a eleição de Betânia, que foi secreta. E Deus me deixou essa alegria de presidir a posse também. É uma noite de emoção e alegria”, ressaltou Pereira.

Durante a cerimônia, ela ganhou o colar da imortalidade, de ouro e prata, gravado com o nome da imortal e data da posse.

O presidente da confraria, o escritor Alcir Meira, desejou boas vinda nova colega. “Muito se espera da sua contribuição para esse sodalício. Levando-se em conta sua brilhante trajetória no universo do ensino e da literatura.

O prefeito de Belém Zenaldo Coutinho, que é da Acadêmia, declamou um poema em homenagem à Betânia.

Após o juramento, a nova confrade falou sobre a emoção da posse. “É uma emoção muito grande. Quem me conhece sabe que sou uma pessoa controlada, mas é muito forte passar por tudo isso”, pontuou Fidalgo.

Entre autoridades presentes estavam o secretário de Estado Carlos Maneschy, ex-reitor da UFPA. A secretária de Cultura Úrsula Vidal também prestigiou o evento. Jarbas Vasconcellos, secretário da Susipe, marcou presença. A cerimônia durou por volta de duas horas.

Reportagem: Pedro Valdez

Foto: Márcio Monteiro/ Bacana News