Início BACANA NEWS Novos aparelhos de ar-condicionado podem ser controlados até pela voz

Novos aparelhos de ar-condicionado podem ser controlados até pela voz

Compartilhar

Foto: Fernando Araújo

Com soluções para limitações técnicas e novas tecnologias que facilitam a vida dos usuários, os ares-condicionados estão evoluindo e cada vez mais modernos. Um dos exemplos dessa modernidade se refere a maneira como os aparelhos funcionam.

Atualmente, por exemplo, há quatro tipos de modos de comando de regulação de temperatura do equipamento para os ambientes. Desde os tradicionais – aqueles onde o controle é direcionado para o aparelho e a temperatura é ajustada – até os comandados por voz – gerenciado por meio de aplicativos gratuitos já configurados pelas marcas.

De acordo com o analista de sistemas Alessandro Nascimento, gerente de automação no Grupo Imperador das Máquinas, comandar um ar-condicionado dentro de casa, no escritório e nas empresas está mais prático. É possível, inclusive fazer as mudanças térmicas do ambiente sem necessariamente estar próximo do equipamento.

Os mais tradicionais são os comandos sem fio, possíveis de encontrar de todas as marcas, que é o controle. Com ele, se regula a temperatura e ventilação, ao apontar em direção ao ar-condicionado. O segundo tipo de comando é por meio do wi-fi. Os fabricantes dos aparelhos disponibilizam o aplicativo gratuito, possível de ser baixado no smartphone e conectar ao sistema do ar para fazer o controle da máquina.

A terceiro forma de controle é o touch, um sistema voltado para equipamentos do tipo mini-central. O comando é feito por meio de uma tela fixada na parede, que está interligada com todo o comando do sistema. Por exemplo, numa sala se tem vários controles que são especificados o funcionamento do aparelho.

NOVO

A novidade dos últimos meses no Brasil é o comando de voz, tecnologia que vem adotado nos novos aparelhos – especificamente nas marcas Samsung e LG – que, assim como o sistema por wi-fi, o controle é feito por meio de aplicativo no celular. “A voz é configurada no aplicativo e, semelhante a uma pesquisa no google, o comando é feito no celular, onde a pessoa fala e o sistema vai interagir a partir do reconhecimento da voz. Os fabricantes utilizam aplicativos diferentes”, diz Alessandro.

“A gente vende como um diferencial. Há pessoas que nem sabem que existem esses tipos de controles. É uma facilidade que vendemos agregada ao equipamento. Essas tecnologias, por exemplo, são exclusivas para aquele modelo de equipamento. Se alguém tiver um ar-condicionado antigo e quiser agregar um controle mais moderno, por exemplo, não é possível porque são tecnologias que estão evoluindo e já estão vindo com esses sistemas configurados. São apelos tecnológicos que agregam e facilitam a vida do cliente. É o moderno e a tendência é essa para outros serviços e produtos”, detalha Alessandro.

Nesses sistemas mais modernos, há sempre a opção tradicional, pois é uma tecnologia que agrega, não substitui. Para utilizar os novos comandos, não há custo a mais por isso, no entanto, Alessandro garante que os equipamentos que possuem a função, custam cerca de 5% a 8% a mais em comparação aos tradicionais que já existem no mercado. “Toda a automação que antes achávamos que era caro e que nunca iria chegar, está chegando e sem custo, é tudo feito via aplicativos de celular”, afirma.

Fonte: DOL