Início BACANA NEWS Ministério Público pede prisão preventiva de motorista de acidente que matou Cleide...

Ministério Público pede prisão preventiva de motorista de acidente que matou Cleide Moraes

Compartilhar

Foto: Reprodução

O Ministério Público do Estado do Pará (MPPA) ingressou com um pedido de prisão preventiva contra o motorista Victor Hugo dos Reis Morais, de 25 anos, envolvido no acidente que matou a cantora paraense Cleide Moraes.

O pedido foi feito na última segunda-feira (3) pela promotora de Justiça Criminal de Benevides, Viviana Couto, mas foi reiterado nesta quarta (5) com novas provas e depoimentos de testemunhas que teriam visto o acusado sob efeito de álcool na noite do acidente.

Ainda de acordo com o MPPA, a promotora aguarda a decisão sobre o pedido de prisão preventiva e da conclusão e envio do inquérito policial ao órgão.

Relembre

Victor conduzia o veículo que colidiu com a Kombi onde a artista estava acompanhada do músico Miguel Marques na noite de 26 de julho. A “Rainha da Saudade”, como era conhecida, voltava de um show no distrito de Icoaraci e estava a caminho de Mosqueiro quando teve o veículo atingido por um carro de passeio.

Uma decisão judicial, assinada pela juíza Edilene de Jesus Barros Soares, da Vara Criminal de Benevides, concedeu liberdade provisória ao acusado após o pagamento da fiança no valor de R$ 10.450,00. Após a soltura, foi determinado que Victor Hugo não poderia se ausentar da comarca sem autorização da Justiça, além de não poder frequentar bares, casas noturnas, casas de jogos e sair de casa após às 22h.

Revoltados com a decisão, familiares e amigos de Cleide Moraes tomaram as ruas no dia 1º de agosto, cobrando eficiência e justiça das autoridades responsáveis.

Por DOL