Início BLOG DO BACANA A maior aquisição de uma empresa estrangeira no Brasil pode acontecer por...

A maior aquisição de uma empresa estrangeira no Brasil pode acontecer por esses dias

Compartilhar

A holandesa Lyondell Basell é a maior interessada na compra da Braskem – e,presa química e petroquímica. A Odebrecht, que detém 38,4% do capital, precisa de dinheiro para quitar suas dívidas e na Petrobras, com seus 36% de ações, a nova diretoria tem repetido que quer vender ativos. Se der certo, o negócio pode chegar a R$ 50 milhões, podendo ser a maior aquisição de uma empresa estrangeira no Brasil, três vezes maior que a venda a Embraer.
A oferta é 70% em dinheiro e 30% em ações da Lyondell, mas a Odebrecht insiste em receber 100% de seu pagamento em ações.

O motivo parece simples: se o dinheiro entrar no caixa, os credores da Odebrecht vão exigir pagamento, esvaziando o conglomerado baiano. Mas se conseguir receber tudo em ações, a Odebrecht passará a ter cerca de 10% da Lyondell, tornando-se uma companhia de participações nos mesmo moldes da Bradespar.

A Braskem é, na definição de um banqueiro, “o ativo que mantém a Odebrecht de pé.

A Lyondell vale US$ 44 bilhões na Bolsa; a Braskem, cerca de US$ 11 bilhões.

A dívida da Odebrecht é de R$ 47 bilhões, dos quais R$ 30 bilhões são com bancos públicos: BNDES (R$ 13 bi), BB (R$ 10 bi) e Caixa (R$ 7 bi) Itaú, Bradesco e outros são credores de R$ 17 bilhões. O grupo não tem caixa….

Com informações de /braziljournal.com