Início BACANA NEWS Há barragens mais perigosas em Minas, como a de Paracatu

Há barragens mais perigosas em Minas, como a de Paracatu

Compartilhar

Para Júlio César Grillo, superintendente do Ibama em Minas Gerais, todas as barragens de rejeito são perigosas. De cara, ele cita a de rejeito de ouro em Paracatu, da canadense Kincross Gold Corporation. Tem 475 milhões de metros cúbicos de rejeito com arsênio, cianeto e mercúrio (Brumadinho vazou de 12 milhões de metros cúbicos). “Se romper, acaba com o Rio São Francisco por um século”. As barragens de Poços de Caldas guardam rejeito de mineração de urânio e estão paradas há anos. Um vazamento afetaria os rios Paraná e Grande, com reflexo na Argentina, Paraguai e Uruguai.

Segundo a Wikipédia
Paracatu é um município brasileiro do estado de Minas Gerais, localizado na Mesorregião Noroeste do estado. Paracatu é o principal município da sua microrregião, sendo um polo atrativo educacional e de trabalho devido à presença de um Instituto Federal do Triângulo Mineiro, do SENAI, de várias escolas e universidades presencial e à distância. A cidade de Paracatu está localizada na divisa com o estado de Goiás e a 200 km de Brasília e é um importante polo de mineração, onde localiza-se as mineradoras (A empresa canadense Kinross Gold Corporation trabalha com exploração e processamento de ouro na região) com uma mina que está localizada a menos de 2 km dos bairros da cidade no Morro do Ouro que produzia 15 toneladas de ouro em 2008.