Início BLOG DO BACANA Fibra vira Centro Universitário reconhecido pelo MEC

Fibra vira Centro Universitário reconhecido pelo MEC

Compartilhar
A Faculdade Integrada Brasil Amazônia (Fibra) foi reconhecida como Fibra Centro Universitário e obteve a nota máxima pelo Ministério da Educação (MEC). A portaria n° 55 foi publicada na última quarta-feira, 15 de janeiro, no Diário Oficial da União (DOU).

Com o credenciamento do MEC, a Fibra ganha autonomia para criar, organizar e extinguir cursos e programas de educação superior, além de oferecer à comunidade acadê-mica cursos de pós-graduação a nível de mestrado e doutorado.

Outra novidade com a chegada do centro universitário é o registro do diploma, possibilitando o discente receber na colação de grau. A conquista é comemorada pelos professores Vicente de Paulo Tavares Noronha e Atila Nunes Marinho, que atuam há 16 anos de atividades educacionais no Pará.

 Para o diretor geral da instituição, Vicente Noronha, a conquista é fruto do trabalho desenvolvido pelos diretores, coordenadores, docentes e acadêmicos.  Noronha reforça que a instituição precisou ter, no mínimo, um terço do corpo docente com titulação de mestrado ou doutorado e, pelo menos, um quinto dos professores contratados em regime de tempo integral. Além disso, possuir oito cursos de graduação reconhecidos pelo MEC.

Hoje, a faculdade oferece com excelência os seguintes cursos de graduação: Administração, Biomedicina, Direito, Enfermagem, Farmácia, Geografia, História, Letras – habilitação em Português, Inglês e respectivas Literaturas, Nutrição, Odontologia, Pedagogia e Serviço Social.

Segundo a diretora acadêmica, Irene Noronha, a instalação do Centro permite vislumbrar um futuro com mais ofertas de cursos à comunidade acadêmica. “A transformação de Faculdade à Fibra Centro Universitário representa a competência dos técnicos, professores e diretores desta instituição. Com seriedade, vamos levar cada vez mais educação de qualidade para quem acredita que a formação está além do diploma”, afirmou.