Início BACANA NEWS Fake News: vacina da Covid causa HIV e câncer?

Fake News: vacina da Covid causa HIV e câncer?

Compartilhar
Foto: Reuters

De acordo com a Sociedade Brasileira de Imunizações, que fez o estudo no final do ano passado, 67% dos brasileiros já acreditaram em alguma fake news sobre vacina. Com o aumento do movimento antivacina e com as discussões sobre o período de vacinação, esse tema se tornou um dos favoritos para os disseminadores de boatos.

No entanto, números de antes da pandemia já mostravam que notícias sobre a imunização por meio da vacinação já sofria com os males das fake news. Uma das notícias falsas mais antigas é que as vacinas causam autismo. Essa mentira surgiu após um estudo associar a Tríplice Viral com aumento nos casos da doença.

Pouco tempo depois de sua publicação, estudiosos comprovaram que não existia essa relação e cassaram a licença do pesquisador responsável pela publicação. Com a chegada da vacina, novas fake news estão sendo não apenas replicadas por influenciadores e mensagens de redes sociais.

Num vídeo, o autor da afirmação, um pastor cearense chamado Davi Goes, afirma que a vacina modificará o DNA do vacinado e levará ao desenvolvimento de câncer. Outro apontamento do pastor foi que ele ouviu dizer de um cientista francês, que a vacina está contaminada com vírus HIV.

Essa mentira surgiu porque algumas vacinas (como é o caso da de Oxford e a Sputnik) utilizam o adenovírus, vetor viral que já foi utilizada em pesquisas para desenvolvimento de uma vacina contra o HIV.

Mas, de acordo com pesquisadores de várias partes do mundo, não há nenhum sinal do vírus causador da Aids nas vacinas que utilizam o adenovírus.Já as modificações no nosso DNA são impossíveis já que essas vacinas não são inseridas diretamente no DNA e, consequentemente, não o modificam.