Início BLOG DO BACANA BR-163 finalmente concluída; Obra começou em 1970

BR-163 finalmente concluída; Obra começou em 1970

Compartilhar

Foto: Asscom/Aprosoja-MT

O presidente Jair Bolsonaro está inaugurando os últimos 51 km de asfalto que faltavam na BR-163. A gente aqui fez um apanhado de informações para você entender mais a importância da rodovia.


O próprio Exército divulgou sobre as obras de asfaltamento da BR-163 que elas começaram em setembro de 2017, segundo nota enviada ao jornal Estadão pelo Centro de Comunicação Social dos militares.

O Exército assumiu as obras em agosto de 2017 e começou a atuar de fato em setembro. Portanto no governo Temer.


Hoje Bolsonaro está na BR-163, no trecho entre Novo Progresso e Moraes Almeida inaugurando a conclusão da obra que que ele deu prosseguimento. Esse é o último trecho de 51 km que fecha a ligação de Sinop no Mato Grosso a Miritituba no Pará, importante via de escoamento da produção agropecuária, principalmente da soja de MT.


Agora a produção agrícola pode partir mais facilmente e em maior quantidade do Pará, mais próximo dos Estados Unidos e uma opção de frete mais barato para os mercados europeus e asiáticos.

Pouca gente sabe da importância da rodovia. Ela possui 3579 km e nasce no Rio Grande do Sul passando por Paraná, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e terminando no extremo oeste do Pará. Ela começou a ser aberta em 1970 e terminou em 1976, logicamente com trechos enormes sem asfalto.

E voltando a conclusão das obras, em homenagem aos serviços prestados alguns dos militares do 8º Batalhão Engenharia de Construção do Exército Brasileiro em Santarém, no oeste do Pará, que trabalharam nas obras de pavimentação da BR-163, vão receber uma homenagem muito especial durante a cerimônia de inauguração da pavimentação da rodovia no Marco Salto do Curuá. A honraria será entregue pelo presidente da República, Jair Bolsonaro.

Além do coronel Marcello Linhares, que atuou por 2 anos como comandante do 8º Batalhão de Engenharia de Construção, outros 18 militares serão condecorados com a honraria.

Serão homenageados militares de variadas patentes, desde soldados até o comandante. Entre os homenageados estão mecânicos, operadores de máquinas pesadas, entre outros. Uma das medalhas será em memória ao Capitão Robson Luiz Gonçalves.